"Domine Deus Omnipotens em Cuius Manu Omnis Victoria Consis"

segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

~Sentimentos~




Estou sufocando por dentro, e não tenho culpa, apesar dos sentimentos me pertencerem, ainda não entendo, e acho que nunca irei entende esse mundo chamado amor, paixão ou talvez ilusão...
Uma terra onde os sentimentos é maior que a distancia
Que o tempo
Apesar do grande murro que esta a minha frente.
Cada movimento que faço acabo subindo um pouco mais.
Sem perceber estou cada dia subindo.
Nem sempre estou olhando para cima.
As vezes me distraio e olho para baixo.
Me perguntando o que estou fazendo.
Por que estou fazendo isso?
Mas minhas pernas continuam subindo.
Enquanto meu rosto esta se afogando.
E no meu peito bate um coração dolorido.
Por que?
Por que?
As palavras ecoam em minha mente
Me torturando.
E me mostrando que sou humana.
Que posso me ferir.
Por fim chego ao topo
Sem perceber que já cheguei
Com os olhos inundados de lagrimas
Onde a visão se torna embaçada.
E a respiração ofegante.
Como nunca esteve.
Um piscar profundo derrama as lagrimas
E a visão torna-se nitida
O vento toca meus cabelos
Sinto como é puro o ar la em cima
E como é frio estar la sozinha
Meus olhos são desviados do céu para o chão.
E de um lado para o outrio do grande muro.
O momento esta proximo
Tenho uma escolha
Mas não sei se posso voltar
Tenho que pular
De um dos lados
Preciso encontrar halgo
Talvez esteja mais lonje do que esperava.

2 comentários:

Marcos Miorinni disse...

Oi Moni, gostaria de lhe dar os parabéns pelo livro, vi a capa do mesmo e está linda, bem bonita mesmo.
Quanto ao fato de você estar com outra idéia sobre seus escritos; veja o que lhe traz mais vontade de seguir, respire ... bjs

psicobolche disse...

bravo, bravisimo